Marketing Digital

O que é Marketing Digital?

Marketing digital é o uso de tecnologias digitais para fins de marketing. Uma agência de marketing digital é um conjunto de profissionais de marketing e outras áreas relacionadas que usa a tecnologia digital para fins de marketing, como serviço. Por vezes o termo é usado juntamente com marketing na internet, pelo que marketing na internet difere de marketing digital no sentido em que o marketing na internet se refere ao uso de uma conexão à internet para finalidades de marketing. Assim sendo, o marketing digital possui a capacidade de ser feito offline (por exemplo, numa aplicação mobile que não necessite de ligação à internet.)

Surgido na década de 90 e tendo sido desenvolvido pelos anos 2000 fora, o marketing digital, também conhecido como marketing data-driven (guiado por dados), é o marketing de produtos ou serviços que faz uso de tecnologias digitais para a sua prática, em maior parte na internet, como já referido, mas também usando dispositivos móveis, publicidade display, e outros meios digitais.

A prevalência e popularização do marketing digital deve-se às mudanças de hábitos e comportamentos dos consumidores. Com a popularização de dispositivos com forte capacidade computacional e a introdução e incorporação de plataformas digitais em planos de marketing e a vida do dia a dia, devido aos constantes avanços tecnológicos feitos desde 1947 com a introdução do ENIAC, um dos primeiros computadores digitais do mundo, e revolução tecnológica como hoje a conhecemos, que nos acompanha desde o final da década de 70, com a fundação da Microsoft por Bill Gates e Paul Allen em 1975, e da Apple em 1976 por Steve Jobs e Steve Wozniak, a verdadeira genesis da tecnologia como hoje a conhecemos, comercialmente, dá-se em 1977 com a introdução do Apple II, quando os computadores se tornaram disponíveis para o público. Desde então, temos vindo a observar a em cima referida popularização de plataformas digitais na vida das pessoas, e consequentemente, dos consumidores, dando-se assim o crescimento do marketing digital e das agências de marketing digital.

História do Marketing Digital e Cronograma de Avanços Tecnológicos
Cronograma de Avanços Tecnológicos desde 1970 – Digicom Suite.

Técnicas de Marketing Digital

Como qualquer outra modalidade, o Marketing Digital possui as suas técnicas. Deixamos aqui uma lista com algumas das técnicas de marketing digital mais populares:

  • SEO (do Inglês Search Engine Optimization, em português PT comumente traduzido como Otimização para Motores de Pesquisa e em português BR comumente traduzido como Otimização para Motores de Busca)
  • SEM (Search Engine Marketing, em português Marketing nos Motores de Pesquisa)
  • Marketing de Conteúdos (uma subcategoria do Marketing Inbound, que poderá encontrar a definição aqui no blog da Digicom)
  • Marketing de Influenciadores
  • Automação de Conteúdos
  • Marketing de Campanha
  • Marketing Data-Driven
  • Marketing eCommerce
  • Marketing nas Redes Sociais
  • Publicidade em Display

O uso de plataformas digitais para finalidades de marketing terá tido o seu primeiro impacto mais forte por volta de 2000, pelo que a sofisticação de técnicas e a criação de uma indústria deu-se entre 2000 e 2010. No ano de 2006, nasce o conceito de Inbound Marketing, que é o marketing feito para a atração de potenciais clientes através de canais de marketing com comunicações feitas à base de permissões. Ou seja, para finalidades de compreensão podemos dar o exemplo de uma subscrição a uma newsletter digital, ou seja, está a permitir a uma empresa dar-lhe comunicações de marketing e outros conteúdos (que se estiverem em práticas de Marketing de Conteúdos, serão então conteúdos de marketing).

Este artigo é também uma prática de Marketing Inbound, pois estamos a providenciar uma resposta para questões que tinha, colocando assim a Digicom numa posição de apoio e resolução de questões aos potenciais clientes, mas de forma não interventiva e interruptiva como marketing outbound. O marketing inbound (apesar de não limitado a) tem uma forte conexão com a Internet, e assim consequentemente, com práticas de marketing digital.

Uma revolução comportamental

Num dos artigos mais populares do blog Digicom, falamos sobre comunicação. Voltamos a abordar este ponto neste artigo para lhe mostrar como a revolução comportamental do consumidor afetou as práticas de marketing, e o marketing digital sofreu grandes alterações com esta mudança.

No artigo de Comunicação, falamos sobre estilos de comunicação. Neles, falamos sobre comunicações unilaterais e comunicações com feedback. Até à revolução digital, as comunicações unilaterais eram a maneira de fazer marketing. Com a revolução de informação, o consumidor deixou de necessitar de um discurso de vendas para conhecer um produto, e atualmente, com acesso a computador que todos trazemos no bolso, temos acesso a informação em segundos. Isto significa que os seus consumidores já estão mais informados do que pensa, e que irão chegar a si com diferentes perspetivas – Para além disto, significa que o poderão contactar em comunicação que possuem feedback entre emissor e recetor.

Este ponto é importante quando analisamos o comportamento dos consumidores, e como o marketing teve que acompanhar esta necessidade.

Ou seja, embora ainda existam práticas daquilo que comumente chamamos de Marketing Outbound (anúncios de TV, Rádio, publicidade em revistas) que consistem em comunicações unilaterais (Emissor – Empresa para Receptor – Cliente) sem feedback, o marketing digital foca-se primordialmente em estratégias Inbound (atração de clientes através de apoio e comunicação dual) devido a esta mudança de comportamentos e poder de informação que o consumidor revela.

Agência de Marketing Digital

O que faz uma Agência de Marketing Digital

O que faz uma Agência de Marketing Digital?

O termo Agência de Marketing Digital refere-se a uma empresa constituída por profissionais com formação ou conhecimento em Marketing Digital, que desenvolvem profissionalmente estes serviços para outras empresas, em Business2Business ou Business2Consumer. A maior diferença entre uma agência digital e uma tradicional, é o foco no marketing com base em resultados no mundo digital. Marketing mesurável e ROI (retorno no investimento) são os pilares (ou deviam ser) de uma agência digital no campo de marketing.

Estas agências podem ser especializadas ou trabalharem com o mercado em geral. Em Portugal, existem várias Agências de Marketing Digital, com serviços similares, que competem pela atenção do mercado nacional e internacional.

As agências de marketing digital em Portugal tendem a explorar a venda dos seus serviços em países de língua portuguesa. Portugal continental e ilhas, Brasil, Moçambique e Angola, estão entre os mais populares.

As equipas são constituídas por profissionais de marketing, web e muitas vezes jornalismo e relações públicas. Em Portugal, a média de número de funcionários numa empresa de marketing digital vai de 4-6 pessoas. Uma agência de marketing digital deverá ter sempre estrategas, gestores de projetos, consultores, criativos e developers que trabalham em conjunto para lhe trazer resultados quantificáveis.

 

Uma agência de marketing digital deverá assim ser uma agência de desenvolvimento de marca e um motor de gerar contactos/leads para si.

 

A profissionalização do tecido empresarial português em marketing digital é notável, e contamos com agências de todo o tipo de especializações. Mais recentemente temos vindo a assistir à popularização de parcerias entre agências de marketing digital portuguesas e empresas estrangeiras, sejam estas de software de formação e aconselhamento, que procuram entrar no mercado ibérico.

A popularização de tecnologias digitais não escapou a Portugal, e o uso das Redes Sociais e outros canais digitais está não só popularizado, como em crescimento em território nacional. Isto conta como facto para o interesse das empresas e indivíduos no uso de técnicas de marketing digital para chamarem à atenção dos consumidores e públicos alvo.

A Digicom, como agência de marketing digital, nota que por vezes existe nas PMEs e microempresas um sentimento que as práticas de marketing (incluindo o digital) só estão acessíveis a grandes empresas. Isto não é verdade devido ao número de agências que existem – E iremos abordar este ponto mais à frente quando falarmos sobre como escolher o seu parceiro de marketing digital. Voltando ao ponto que falávamos em cima, a popularização do marketing digital e o crescimento do número de agências de marketing digital em Portugal, tornou este acessível a praticamente qualquer orçamento e qualquer tipo de empresa a atuar no mercado nacional. Por outras palavras, não há desculpas para não começar hoje a sentir o poder do marketing com as novas tecnologias.

Clientes da Agência de Marketing Digital: como escolher uma Agência de Marketing digital com quem trabalhar?

Se está a ler este artigo, é provável que esteja no mercado à procura de uma agência de marketing digital com quem trabalhar. A Digicom vai agora ajudá-lo a conhecer as bases a cimentar para tomar uma decisão correta quando escolhe o seu parceiro de marketing digital.

Uma das questões mais frequentes que colocam à Digicom, é a procura de escolha da agência de marketing digital certa – Como escolher um parceiro de nos traga os leads, as chamadas ou as vendas de ecommerce desejadas, garantindo que existe um retorno de investimento.

Com isto em mente, e aproveitando o âmbito deste artigo, introduzimos uma secção dedicada a ‘como escolher uma agência de marketing digital’.

Vamos dar-lhe dicas para escolher uma agência de marketing digital, para que consiga mais facilmente escolher a melhor agência para si.

Definir claramente as necessidades & expectativas

Deverá pensar no momento de escolha de uma agência como a escolha de um parceiro estratégico que será uma extensão da sua equipa durante os próximos anos.

Como fazer:

  • Faça uma lista dos seus requisitos de marketing
  • Prepara-se para uma relação a longo prazo
  • Decida um tipo de agência
  • Perceba a natureza do relacionamento

Trabalhar com uma agência de marketing digital, principalmente pela primeira vez, não deverá ser uma compra de impulso. Deverá planear um processo rigoroso, para evitar perder o seu tempo. Mesmo antes de pesquisar por agências, deverá pensar de forma crítica sobre que papel jogará a agência na ajuda ao alcance dos seus objetivos de negócio. Seja qual for o objetivo – desde acelerar o crescimento, redesenhar a sua marca e a perceção desta, ou levar a sua marca a novos territórios – deverá ter isto formalizado e presente, até antes de começar a sua pesquisa.

  • Considere o tempo que tem disponível para dedicar à sua nova parceria
  • O orçamento que está disposto a alocar
  • As capacidades que já possui dentro da sua empresa e as capacidades que lhe faltam

A preparação aqui é chave, e se não for feita, poderá resultar em desperdício de tempo e dinheiro.

Faça uma lista dos seus requisitos de marketing

Dependendo das necessidades de marketing que tenha, faça uma lista clara de serviços que gostaria que a agência de marketing digital desenvolvesse. A sua equipa de marketing, caso possua uma, precisa de tomar uma decisão sobre que atividades vão ser feitas por eles e que atividades necessitam de ser outsourced. Outro fator importante a considerar é coordenar o trabalho entre a sua equipa e a agência de marketing externa. Por exemplo: se tem uma equipa de SEO própria e está a fazer outsourcing de Marketing de Conteúdos, como vão as duas equipas coordenar-se entre elas. Eis uma lista de algumas capacidades/serviços que uma agência de marketing poderá oferecer à sua firma:

Junto com as capacidades, seja claro nos objetivos que as suas atividades de marketing deverão atingir (especialmente as que tem em outsourcing). Estes objetivos podem ser:

  • Marca & Aumento de consciência/perceção de Marca
  • Tráfego
  • Leads
  • Vendas
  • Downloads da Aplicação

É sempre aconselhável iniciar as suas práticas de marketing ou redefini-las com um objetivo claro, mesurável, realista e tangível.

Uma parceria a longo prazo

Olhe para a contratação de uma agência como contratar novos funcionários para a sua equipa. Irá ter que cooperar com a agência em muitas ocasiões, e manter um contacto relativamente regular, portanto irá querer uma agência que seja transparente e que tenha uma boa relação consigo, de forma a conseguir os melhores resultados de marketing possíveis. Mais importante, necessita de garantir que toda a gente percebeu bem os objetivos e estão todos na mesma página. A agência que contratar necessita de perceber as suas ideias, dar-lhe o feedback necessário e opinião, e ao mesmo tempo, tomar conta das suas campanhas e tomar as decisões que pensam ser corretas. No fundo, é o expertise e conhecimento que contam. Será a agência que irá desenhar a sua campanha, e não você.

Decida o tipo de Agência

O marketing digital vem em todas as formas e formatos. É importante encontrar o tipo que se adapte da melhor forma aos seus objetivos de negócio e, mais importante ainda, ao seu orçamento.

Portanto, que tipos de agência de marketing digital existem?

Serviços Gerais vs Especializados

Em primeiro lugar, tente evitar agências que têm um passado de marketing tradicional, ou ainda praticam táticas de marketing tradicional. O marketing digital é uma indústria incrivelmente complexa, e em mudança constante. Estas agências por norma saltam nas tendências do buzz gerado à volta do digital, não dominam importantes aspetos e são um desperdício de dinheiro no geral, usando o marketing digital mais como uma forma de rentabilização da tendência do que um core profissional do negócio.

Uma agência digital é aquilo que deverá procurar – Alguém cujo core de negócio é o mundo digital e possui profissionais com formação e capacidades nestas áreas. Da mesma forma, deverá procurar alguém que esteja atualizado e que partilhe informações sobre o estado da empresa e o conhecimento que tem, por exemplo, num blog.

A decisão de escolha entre um serviço especializado ou geral de marketing digital vem exatamente em alinhamento com a primeira parte, e será feita conforme os seus objetivos e requisitos. Se procura adjudicar serviços especializados, quando por exemplos já possui alguém a desenvolver certas práticas de marketing dentro da sua empresa, então adjudicar os serviços a uma agência especializada é a melhor solução. Ex: Copywriting.

De outra forma, se pretende adjudicar a sua estratégia e desenvolvimento de marketing por completo a uma agência externa, uma agência que possua os serviços core de Web, Marketing, Vendas e Apoio ao Cliente é a solução para si. A Digicom é uma agência full stack de marketing, e faz parte do grupo PinhoTavares, que possui agências especializadas, nomeadamente no campo de design, alojamentos, SEO e consultoria. Ou seja, está coberto em todos os campos.

Grandes vs Pequenas

Enquanto que uma agência de maior dimensão o poderá providenciar com algumas vantagens, a Digicom vê no panorama nacional a preferência por agências de pequena-média dimensão. A maior tendência que visualizamos é a opção do desenvolvimento e coordenação de projetos online. Isto significa que as pessoas tendem a procurar um parceiro de marketing com o qual consigam trabalhar online, e organizar os projetos e o marketing online.

As vantagens de uma pequena agência, e a razão pela qual vemos os melhores resultados destas a nível nacional, é o facto dos fundadores e diretores estarem envolvidos com as práticas dos criativos e outros profissionais, e terem a mão nos projetos. Isto significa que terá sempre um membro sénior da equipa no seu projeto, muitas vezes tendo contacto direto com esta pessoa. É uma grande vantagem para si enquanto contratante de um serviço poder contar com membros experienciados na sua campanha. A atenção e tempo que lhe dedicam é também diferente, bem como a facilidade de contacto.

Criativa vs Indústria

As agências criativas tendem a ter uma mistura de serviços, de branding até SEO, mas tenha cuidado com as demasiado gerais. O que irá querer procurar é por resultados, ou seja, números, e não projetos demasiado visuais. Um essencial também a explorar é todos os conteúdos que a empresa publica e como os publica. Se usam as redes sociais, se usam um blog, se enviam newsletters e mais importante ainda, o que é que enviam. Como são as paginas de serviços? Possuem preços? Possuem a maneira como trabalham? Ou estão só concentrados em mostrar-lhe resultados bonitos?

Peça sempre estudos de caso e números reais que a agência tenha tido no passado, para poder tomar uma decisão. Se quiser, poderá ainda procurar por uma agência de marketing digital com uma secção de indústrias para ver se esta percebe a sua indústria e se está qualificada para trabalhar consigo na sua indústria especifica. Portanto conhecimento e resultados é o que deve procurar na empresa, em especifico o conhecimento desta, avaliando através dos conteúdos que a agência produz e resultados avaliando os números e objetivos cumpridos pela agência.

Responsabilidade

Certifique-se de que irá iniciar a parceira com uma total compreensão das necessidades específicas que necessita e do que a agência terá que entregar em termos de métricas, relatórios e objetivos. Deverá trabalhar com uma agência que defina claramente os momentos em que irá ser avaliada a performance das campanhas, e assegurar-se de que existe a flexibilidade para mudar de rumo e priorizar novas necessidades que surjam, se assim necessário. É assim que se conseguem atribuir responsabilidades e dar a cara pelas metas que têm que ser cumpridas. Trabalhar com uma agência que use um sistema de PCU (Ponto de contacto único) é uma boa maneira de garantir que existe uma pessoa dentro da agência que está sempre encarregada de responder às dúvidas que tenha e que dá a cara pelo trabalho da equipa. Desta forma evita ser passado de departamento em departamento ou ficar a aguardar resposta de pessoas diferentes. A Digicom é uma agência que trabalha sobre este sistema.

Faça a sua parte – de feedback a tempo

Qualquer agência, por melhor que seja, irá sempre necessitar do seu apoio e contar consigo para providenciar a experiência que tem no seu mundo/indústria. Qualquer agência de marketing digital necessita de o ter disponível para dar feedback em como os esforços que a agência está a fazer estão a alinhar-se com os objetivos nuançados que tem para o seu negócio e a sua própria equipa. A agência nunca conseguirá ter a perspetiva que você tem, portanto tire um tempo para dar feedback.

Resumindo e concluindo

Como escolher uma agência de marketing digital

Na escolha de uma agência de marketing digital, antes de começar a procura, defina claramente as necessidades e expectativas de marketing que possui para o seu negócio/empresa, faça uma lista dos requisitos de marketing completa, pense na abordagem da procura como a escolha de alguém para uma relação a longo prazo, analise os tipos de agência entre criativa e especializada por indústria, ou full stack ou especializada, para decidir qual a melhor para as suas necessidades, e quando iniciar a relação faça-o com uma agência que se responsabilize, que seja fácil de contactar sobre um sistema de PCU, e dê feedback colaborando quando necessário.

Uma parceria é como um relacionamento, e terá altos e baixos – O que irá querer é alguém que se responsabilize quando os objetivos não forem atingidos, e que encontre soluções para quando isso acontece – Alguém que ouça e que participe, que o envolva no projeto e faça as coisas com claridade e transparência. A organização de projeto e as revisões periódicas são também dois pontos importantes.

Formação de Marketing, Cursos de Marketing e Consultoria de Marketing

Formação em Marketing Digital

Muitas agências de marketing digital providenciam formações nas áreas que são relevantes para profissionais desta área. Estas formações são especialmente importantes quando faz a transição entre ter o seu desenvolvimento de marketing numa agência externa e passar a possuir uma equipa interna. A capacidade da agência de marketing de se relacionar com as novas pessoas que está a colocar na sua empresa é muito importante, para que aconteça uma transição ou nova redistribuição de responsabilidades, de forma a que não existam grandes impactos nas suas campanhas, afetando assim o seu bottom line.

As formações por norma consistem na introdução aos softwares e métodos usados. Muitas das empresas de marketing digital também providenciam apoio aos Recursos Humanos quando as empresas necessitam de contratação, de forma a encontrar um candidato que se enquadre com o trabalho que está neste momento a ser feito.

A Digicom conta com vários formadores na nossa equipa que lhe poderão providenciar este apoio.

Para profissionais na sua empresa

Cursos de formação, sejam presenciais ou online, podem ser oferecidos pelas agências de marketing de forma a que profissionais na sua empresa que não tenham como capacidades a área de marketing, poderem desempenhar algumas funções chave, até mesmo quando estas são necessárias para o funcionamento dos novos sistemas de marketing, como por exemplo software.

Isto significa que estará a contribuir para a formação geral das pessoas da sua empresa, acabando com profissionais mais qualificados e consequentemente a alavancar recursos humanos já dentro da sua organização. Esta opção é frequente em cargos de pessoas na sua empresa de áreas próximas a marketing e comunicação e cuja formação não é intensiva, bem como a carga de trabalho acrescentado. Quando o volume de responsabilidades aumenta, é sempre aconselhável seguir o tipo de apoio ao recrutamento e formação de novos contratados, contratando uma pessoa responsável para estas funções, nomeadamente na área de marketing.

Cursos de Marketing Digital

Para além da formação prestada pelas empresas, existem várias opções para cursos online de marketing digital, disponíveis online. Encontra opções em português e inglês, e também com variações nas cargas horárias e complexidades das matérias.

Isto significa que seja qual for a sua formação, se tem interesse em marketing digital, poderá utilizar a internet como recurso para aprender, aprendendo ao seu ritmo ou especializando-se numa área que seja de maior interesse ao seu negócio.

Consultoria de Marketing Digital

A consultoria está presente em muitas áreas de negócio, e o marketing digital não é exceção. Existem muitas agências que providenciam consultoria nas áreas que servem, e iremos neste artigo explorar algumas vantagens de usar um consultor de marketing na sua empresa.

Ser descoberto

Um consultor de marketing digital irá torna-lo visível ao público. As suas classificações nos rankings dos motores de pesquisa ainda são importantes, para qualquer negócio com uma presença online. Apesar da popularidade das redes sociais, o primeiro lugar que muitas pessoas vão para encontrar informações sobre produtos ou serviços é o Google, Yahoo, Bing, ou outro motor de pesquisa (o mais popular é o Google Search, com cerca de 94% de todas as pesquisas mundiais, seguido pelo Baidu, extremamente popular na China).

Quantas mais visitas o seu site tiver, mais pessoas irão contactá-lo ou comprar diretamente do site. É simplesmente um facto. Uma campanha bem-sucedida de SEO, irá conseguir tirar o seu site da obscuridade e trazê-lo para a ribalta online. Um consultor de marketing poderá ajudá-lo a tomar as melhores decisões sobre como prosseguir com as suas campanhas de SEO.

Uma perspetiva fresca

É fácil ficar preso dentro da sua própria rotina, e da sua própria perspetiva. Por vezes é difícil durante a realização de campanhas analisar todos os dados que lhe são fornecidos, bem como analisar campanhas que não estão a gerar tanto volume quanto necessário. Um consultor de marketing poderá dar-lhe uma nova perspetiva sobre como abordar uma campanha e como analisar os dados que tem à sua frente, ajudando-o assim a tomar decisões.

Agências de marketing por vezes recorrem a profissionais dentro delas, que não estão envolvidos no seu projeto, para poderem providenciar um novo insight ao trabalho que está a ser desenvolvido, colocando assim uma nova perspetiva no projeto, e providenciando consultoria para a sua empresa.

Recursos Grátis de Marketing Digital

Uma das grandes vertentes do marketing digital é o marketing de conteúdos. Esteja atento assim aos recursos grátis que as agências providenciam! Muitas agências de marketing escrevem extensivamente sobre o seu conhecimento e as melhores práticas que poderá usar para o seu negócio, tornado assim informação profissional com conselhos práticos em formato totalmente gratuito e criado e desenhado por profissionais.

Estes recursos gratuitos serão uma maneira muito interessante e amiga à carteira de iniciar, desenvolver ou melhorar as práticas de marketing digital no seu negócio!

Marketing Digital no Porto

O Porto conta como uma presença forte de agências de marketing digital, e também com excelentes formações e profissionais que lecionam cursos, tanto pós-graduações como licenciaturas, os cursos profissionais. Desde o IPAM à Academia de Marketing Digital Flag, até às formações na ANJE e Pós-graduação em marketing digital e comércio online no ISVOUGA (Área metropolitana do Porto) tanto estudantes como profissionais podem encontrar no Porto um hub de marketing digital que entregam excelentes cursos e formações nesta área. As agências de marketing digital no porto contam assim com um ambiente estimulante e progressivo, em crescimento, para coabitarem com clientes de marketing que se tornam cada vez mais informados e contam com profissionais mais qualificados dentro das suas empresas.

Conclusão: Agências de Marketing Digital

Esperamos com este artigo ter conseguido dar-lhe uma reflexão extensiva sobre o contexto das agência de marketing digital em Portugal e contribuindo para o seu conhecimento no ambiente que rodeia o marketing digital e as agências de marketing digital.

Sabemos o quão importante é providenciar informação de qualidade, e queremos que os clientes e potenciais clientes da Digicom, bem como todo o tecido empresarial português beneficie de informação de qualidade sobre marketing para que consigam tomar melhores opções, terem melhores práticas nos seus negócios e no fundo, levarem os seus negócios e empresas a mais pessoas, tanto a nível nacional como a nível mundial. Não se esqueça que pode sempre contar com a Digicom para qualquer apoio e temos uma linha aberta 24/7 para o ajudar com qualquer questão ou desafio que tenha nas suas mãos.

O ambiente de marketing digital em Portugal é fantástico e conta com excelentes profissionais, pelo que seria um erro não se aproveitar destas capacidades em território nacional para potenciar o seu negócio. Como analisamos no artigo, existem agências digitais para todas as necessidades, desde agências full stack, até especializadas, com componentes mais criativas ou componentes mais industriais, que estão no mercado para responder às suas necessidades e trazer-lhe, como tanto gostamos de referir, mais vendas, mais clientes e mais lucros.

Não se esqueça de partilhar este artigo ou deixar o seu comentário para apoiar o blog gratuito da Digicom Suite, blog da agência de marketing digital Digicom.