Quantas vezes começou o dia com uma lista de tarefas para fazer, chegando ao fim desse dia com uma lista ainda maior? O aumento da produtividade é uma questão por vezes difícil de trabalhar, por melhor que sejam as nossas intenções, a gestão do tempo é uma questão sempre complicada.

Existem duas opções para a resolução deste problema: ou 1. aumentar o número de horas que se trabalha, ou 2. aumentar a qualidade de trabalho nas horas que já trabalhamos.

Estas quatro dicas irão ajudá-lo a seguir pela segunda opção.

Acabar com o multitasking

Earl K. Miller, professor de neurociência no Picower Institute for Learning and Memory (MIT) afirma que “o multitasking é humanamente impossível”. Portanto esta dica foca-se na recomendação de que se concentre em uma coisa de cada vez, sendo que esta opção irá fazer com que conclua tarefas mais depressa do que quando tenta ligar a um colega, enquanto trabalha numa proposta e come o seu almoço ao mesmo tempo. Faça uma tarefa de cada vez, movendo-se de uma para outra, progressivamente.

Faça pausas regulares

Alguns estudos indicam que trabalhar em intervalos de 90 minutos aumentam a produtividade.

Experimente aplicar esta rotina na sua rotina de trabalho, consistindo em 90 minutos de trabalho, seguidos de 15 minutos de pausa. As pausas regulares ajudarão a manter-se com os níveis de energia altos durante todo o dia, aumentando assim a quantidade e qualidade do trabalho que produz.

Faça as tarefas mais difíceis quando está mais desperto

Não há um horário definido que resulte para toda a gente. Tente descobrir o horário que melhor funciona para si, e comece a partir daí a otimizar o seu tempo.

A dica aqui é, se é uma pessoa que se sente mais focada de manhã, deixe os assuntos mais difíceis para serem resolvidos nesse horário.

Ao contrário, se sente mais focado no inicio da tarde, faça o mesmo, mas no inicio da tarde.

Defina um período de tempo para assuntos administrativos

Deixe um espaço bloqueado no seu calendário para responder a emails, devolver chamadas, e resolver outras tarefas administrativas, e não toque nessas áreas fora das horas que definiu para elas.

Isto fará com que assuma uma postura de trabalho proativa, ao invés de reativa, e diminuirá o tempo e frequência de interrupção de tarefas.

Se responde a uma email de cada vez que este entra na sua caixa de entrada, nunca vai conseguir estar focado no que está a tentar finalizar.

Conclusão

No final, é importante recordar que existem dias que serão mais produtivos que outros, portanto não se massacre se um dia não for tão produtivo quanto desejou. Ao invés disso, foque-se em manter a sua energia e foco, e experimente implementar algumas destas dicas.

Uma vez que encontrar um balanço correto que funciona para si, mantendo-o produtivo o maior número de dias possíveis, irá ficar impressionado com a quantidade de trabalho que consegue processar e como ainda estará pronto para mais!